19/06/2017 13h27 - Atualizado em 19/06/2017 13h27

Chuva reduz oferta de lima ácida tahiti ainda mais e preços disparam

As chuvas que atingiram as principais regiões produtoras de lima ácida tahiti do estado de São Paulo nos últimos dias levaram citricultores a interromper novamente as atividades de campo, reduzindo ainda mais a oferta da fruta. Nesse cenário, as cotações subiram fortes 77,6% entre 12 e 16 de junho, com algumas negociações atingindo R$ 48,00/cx de 27 kg para a fruta colhida, segundo colaboradores do Cepea – o preço médio no período foi de R$ 29,95/cx de 27 kg, colhida. Segundo pesquisadores do Cepea, compradores têm aceitado adquirir a fruta a preços elevados, já que, além da menor disponibilidade, a queda na qualidade dos frutos maduros que ainda estavam nos pés acabou restringindo também o volume destinado à exportação (segmento que demanda tahiti mais verde).

Fonte: Cepea

últimas: notícias vídeos

cotações

  • Milho amarelo – Rio do Sul/SC – (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ 27,00

  • Arroz irrigado em casca – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ S/Inf.

  • Suíno vivo – Sul Catarinense/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ 3,72

  • Feijão Carioca -Tipo 1 – Paraná (Seab)

    18/10/2017

    valor

    R$ 99.79

  • Suíno vivo – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ S/Inf.