02/08/2017 13h25 - Atualizado em 02/08/2017 13h25

Com indústria retraída, arroz em casca se desvaloriza em julho

As cotações do arroz em casca caíram no Rio Grande do Sul em julho. Segundo pesquisadores do Cepea, orizicultores estiveram ativos no spot, buscando “fazer caixa” para cumprir com os compromissos da safra 2016/17 e para realizar as atividades de preparo da terra para a próxima temporada. Do lado comprador, houve recuo por parte da indústria, que preferiu negociar apenas o produto depositado em seus armazéns, devido à “queda de braço” com os setores atacadista e varejista dos grandes centros e à concorrência com o arroz importado. Entre 30 de junho e 31 de julho, o Indicador ESALQ/SENAR-RS, 58% grãos inteiros, registrou queda de 0,74%, fechando a R$ 40,19/sc de 50 kg no dia 31. Nos últimos sete dias, porém, o Indicador subiu ligeiro 0,42%, a R$ 40,20 nessa terça-feira, 1.

Fonte: Cepea

últimas: notícias vídeos

cotações

  • Milho amarelo – Rio do Sul/SC – (Epagri)

    21/08/2017

    valor

    R$ 23,00

  • Arroz irrigado em casca – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    21/08/2017

    valor

    R$ S/Inf.

  • Suíno vivo – Sul Catarinense/SC (Epagri)

    21/08/2017

    valor

    R$ 3,69

  • Feijão Carioca -Tipo 1 – Paraná (Seab)

    21/08/2017

    valor

    R$ 86,11