06/11/2017 12h56 - Atualizado em 06/11/2017 12h56

Crédito agrícola de custeio da cafeicultura financia R$ 4,7 bilhões em 2016

O crédito agrícola para financiamento do custeio da cafeicultura totalizou R$ 4,736 bilhões, em 2016, que foram repassados ao setor produtivo por meio de 72.634 contratos. No período de janeiro a setembro de 2017, essa linha de financiamento atingiu R$ 3,072 bilhões, com a celebração de 42.852 contratos de crédito agrícola. Essa modalidade de crédito, destinada ao custeio da safra de café, financia despesas normais do ciclo produtivo das lavouras, tais como tratos culturais e colheita, incluindo as despesas com aquisição de insumos, mão de obra, operações com máquinas e equipamentos, arruação, secagem, certificação de cafés, entre outras.

O SUMÁRIO EXECUTIVO CAFÉ, da Secretaria de Política Agrícola – SPA, do Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento – Mapa, referente ao mês de outubro de 2017, destacou que, no ano de 2016, Minas Gerais foi responsável por 67,69% do financiamento do custeio da cafeicultura com o montante de R$ 3,206 bilhões. São Paulo representou 13,98%, com 662,306 milhões; seguido pelo Espirito Santo, com R$ 616,411 milhões (13,01%); Bahia, com R$166,329 milhões (3,51%); Paraná, com R$ 49,291 milhões (1,04%); e Goiás com R$ 16,914 milhões (0,36%). Outros estados produtores de café contrataram 0,41% do crédito agrícola de custeio.

Fonte: Embrapa Café

últimas: notícias vídeos

cotações

  • Arroz irrigado em casca – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    21/11/2017

    valor

    R$ S/Inf.

  • Feijão Carioca -Tipo 1 – Paraná (Seab)

    21/11/2017

    valor

    R$ 108,43

  • Suíno vivo – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    21/11/2017

    valor

    R$ S/Inf.

  • Milho – Paraná (Seab)

    21/11/2017

    valor

    R$ 22,42

  • Arroz irrigado em casca – Rio do Sul/SC (Epagri)

    21/11/2017

    valor

    R$ 40,00