09/10/2017 12h53 - Atualizado em 09/10/2017 12h53

Emater fomenta fruticultura em Wenceslau Braz

Em Wenceslau Braz, nesta quarta-feira, 11 de outubro, a Emater reúne cerca de 100 agricultores familiares do Município para falar da importância da fruticultura como alternativa de diversificação da produção e de renda para os pequenos proprietários rurais locais. O evento é apoiado pela Secretaria de Estado da Agricultura e do Abastecimento, através do programa Pró Rural. Prefeitura, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Associação dos Agricultores Familiares do Norte Pioneiro e Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável são parceiros do Instituto na realização de mais esta ação extensionista.

O extensionista Felipe Youssef Abboud, da Emater local, explica que as terras agricultáveis de Wenceslau Bráz são basicamente ocupadas pela cultura da soja. “Mas, muitos agricultores já vêm apostando na produção de hortaliças com bons resultados, vendendo as suas colheitas para o PAA e PNAE. A nossa ideia, agora, é fomentar a produção de frutas, que também pode ser uma alternativa interessante para a diversificação dos negócios dessas famílias de pequenos produtores e que potencializa o resultado econômico dos fatores de produção terra e mão de obra”.

Felipe conta que no município já existem 40 famílias dedicadas ao cultivo do maracujá. Elas vendem a produção para duas indústrias que ficam em Santana do Itararé, município vizinho. “Nosso objetivo e trazer para essa cultura novos plantadores e orientar aqueles que já exploram a atividade para que tenham melhor rentabilidade e consigam ofertar ao mercado um produto com melhor qualidade. Além disso, vamos fazer todo o esforço para introduzir o abacaxi e o morango como outras opções viáveis de cultivo e renda para esses agricultores”.

O engenheiro agrônomo Mauricio Castro Alves, gerente regional da Emater, vai falar sobre Cenários da fruticultura para Wenceslau Bráz. Edson Vaz Ronque, engenheiro agrônomo da JP Serviços de Agronomia e de Consultas as Atividades Agrícolas e Pecuária, vai tratar do tema Importância da diversificação. Marcia Rodrigues da Silva, secretaria municipal de Agricultura de Pinhalão, deve apresentar a palestra técnica sobre a Cultura do abacaxi e Jean Pierre Correia Costa, também agrônomo da JP Serviços de Agronomia e de Consultas as Atividades Agrícolas e Pecuária apresentará informações sobre a Cultura do morango. O extensionista Antônio Carlos Nadalete vai falar sobre a Cultura do maracujá e o Felipe Youssef Abboud deve tratar da Importância do processo de organização das famílias para produzir e comercializar suas safras.

 

Fonte: Emater

últimas: notícias vídeos

cotações

  • Milho amarelo – Rio do Sul/SC – (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ 27,00

  • Arroz irrigado em casca – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ S/Inf.

  • Suíno vivo – Sul Catarinense/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ 3,72

  • Feijão Carioca -Tipo 1 – Paraná (Seab)

    18/10/2017

    valor

    R$ 99.79

  • Suíno vivo – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ S/Inf.