03/08/2017 14h20 - Atualizado em 03/08/2017 14h20

Plano Safra 2017/18: taxas ficam menores, entre 6,5% e 8,5%

Estão liberados os recursos do Plano Safra 2017/2018. São R$ 190,25 bilhões destinados aos produtores rurais, montante superior aos R$ 185 bilhões da safra 2016/2017. Os recursos são para operações de investimentos, comercialização e custeio e houve redução de até dois pontos percentuais nas taxas de juros.

Para investimentos em inovação e tecnologia agrícola, por meio do Inovagro, e para investimentos em armazenagem, pelo Programa de Investimento para Construção de Armazéns (PCA), programas que são prioridades do BRDE, a redução foi a máxima: de 8,5% a.a. para 6,5% a.a.

O programa Inovagro, financia inovações e modernizações em tecnologias agrícolas, com o objetivo de aumentar a produtividade das propriedades rurais e melhorar a sua gestão. Atende diversos segmentos, como avicultura, suinocultura e pecuária de leite. As condições de financiamento são as seguintes: taxa de juros de 6,5% a.a, com prazo de até 120 meses e participação de até 100% do investimento.

Para investimentos no segmento avícola, o produtor deve procurar seu integrador. O site do BRDE – http://www.brde.com.br/contato/conveniadas/ – traz a relação dos integradores parceiros do Banco. Já para os demais segmentos, o produtor pode entrar em contato diretamente com o BRDE, pelo e-mail [email protected] ou telefone (41) 3219-8150.

PARA INVESTIMENTOS EM MATO GROSSO DO SUL
Para investimentos rurais localizados em Mato Grosso do Sul, o BRDE disponibiliza a linha FCO Rural. São passíveis de financiamento investimentos em armazenagem, máquinas e implementos, irrigação, instalações agroindustriais, melhoramento genético do rebanho, florestas e outros.

As condições vigentes desta modalidade consistem em taxa de juros de 6,375% ao ano, já considerando o bônus de adimplência, prazo de até 120 meses (prazos superiores podem ser analisados conforme exigência de projeto) e participação de até 100%, conforme localização do projeto. Estão aptos a essa modalidade produtores rurais que faturem até R$ 16 milhões por ano.

Podem ser financiados projetos de produtores rurais do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul interessados em fazer investimentos em Mato Grosso do Sul e também de produtores sul mato-grossenses, ou de outras regiões, que invistam naquele estado e adquiram bens e serviços produzidos na Região Sul.

Fonte: Brde

últimas: notícias vídeos

cotações

  • Milho amarelo – Rio do Sul/SC – (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ 27,00

  • Arroz irrigado em casca – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ S/Inf.

  • Suíno vivo – Sul Catarinense/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ 3,72

  • Feijão Carioca -Tipo 1 – Paraná (Seab)

    18/10/2017

    valor

    R$ 99.79

  • Suíno vivo – Jaraguá do Sul/SC (Epagri)

    18/10/2017

    valor

    R$ S/Inf.